A Verdadeira Reflexologia

Por Dr. Wagner Paulon

20/04/2008

 


 

A idéia do reflexo remonta a Descartes que menciona em sua correspondência o caso do cão, que se fosse espancado inúmeras vezes ao som suave de um violino, acabaria fugindo apavorado sempre que ouvisse o violino,
O estudo do psiquismo humano foi encarado como o estudo do cérebro e de suas funções por Claude Bernard. O fundador da medicina experimental afirmava não poder haver órgão sem função, devendo por isso o estudo das funções e da anatomia do cérebro nos levarem ao exato conhecimento do psiquismo.
Sechenov, escrevendo sua obra "Os reflexos do cérebro" e Pavlov, com sua vida toda dedicada ao estudo dos reflexos, aprofundaram as idéias de Claude Bernard e elaboram uma doutrina completa e estruturada sobre o psiquismo, com base nos trabalhos experimentais de neurofisiologia.
Como base da doutrina reflexológica está a afirmação de que o psiquismo constitui-se numa gama infinita, variada e móvel, de reflexos condicionados que se formam, se apagam e se transformam, oferecendo uma trama firme e clara para o entendimento do psiquismo, como uma rede de reflexos condicionados que são passíveis de experimentação e de elaboração.
A reflexologia é pois o conhecimento do psiquismo através da neurofisiologia, do estudo experimental e prático do funcionamento do cérebro, no seu trabalho permanente de elaborar, construir, retificar e mudar reflexos condicionados, em elevado número, através dos longos anos da experiência vital de cada pessoa.
A reflexologia proporciona assim um melhor e mais documentado conhecimento do psiquismo humano normal, bem como deste psiquismo alterado, da sua psicopatologia e da compreensão e tratamento das doenças psíquicas.
A reflexologia deu também um novo impulso à hipnose, valorizando e esclarecendo, com maior profundidade, a eficácia e a base científica dos tratamentos e estudos nesta área.

Qualquer que seja a espécie de neurose, a psicologia do seu desenvolvimento é praticamente a mesma. Os neuróticos, que pensam em medo, são vítimas de motivações inconscientes. Em qualquer circunstância as neuroses são curáveis.
Dr. Wagner Paulon - Formação em psicanálise (Escola Paulista), mestre em psicopatologia (Escola Paulista), psicologia (Saint Meinrad College) USA, pedagogia (FEC ABC), MBA (University Abet) USA, curso de especialização em entorpecentes (USP), psicanalista por muitos anos de vários hospitais de São Paulo.