5 Dicas para o tratamento da depressão

Por Adriana de Araújo

05/11/2009



Depressão é uma doença que altera o funcionamento da mente. Durante o processo as percepções ficam alteradas, normalmente acima do esperado e como resposta aos estímulos externos e internos tem-se reações como tristeza, angústia e pessimismo. O comportamento, a ação e o ânimo ficam menor e a energia diminui, por isso é preciso tratamento adequado. É importante buscar ajuda para a cura e bem estar.

A questão maior não é o problema em si,
mas a intensidade e a forma com que cada um
vai lidar com suas questões emocionais.

As pessoas que não sofrem de depressão tendem a lidar com as dificuldades do dia a dia sem perder a capacidade de realizar outras ações.


BAIXA DE ENERGIA


Quem está depressivo perde o “rumo”, a “vontade”, o “interesse” pelos assuntos. Se acontece algo no trabalho, por exemplo, a pessoa perde a motivação também em outras áreas da vida. A doença interfere diretamente na habilidade pessoal de trabalhar (concentrar, ter interesse, motivação, etc), se relacionar (prefere ficar sozinho, sofre ao lidar com as diferenças pessoais de cada um), comer (pode haver excesso e ganho de peso ou mesmo perda do apetite e peso de forma significativa) e dormir (podendo haver um sono excessivo ou mesmo insônia) e principalmente de gostar de atividades, quaisquer que seja, ate mesmo as que antes eram consideradas muito prazerosas.


HUMOR REBAIXADO


Normalmente a pessoa depressiva fica a maior parte do tempo se sentindo triste, tem dificuldade de ficar parado, às vezes o comportamento fica mais agressivo (irritação e impaciência). A depressão pode influenciar nos sentimentos e sensação de bem de estar podem gerar percepções inapropriadas, falta de esperança, baixa auto-estima, menos valia, a pessoa pode agir e pensar de foram a se desprezar, surgindo também sentimentos de culpa, e em casos específicos podem aparecer pensamentos e sentimentos de morte e suicídio.


QUAL A DIFERENCA ENTRE DEPRESSAO E TRISTEZA?


Para configurar um quadro de depressão é preciso que a pessoa apresente esses sintomas por mais de duas semanas. Períodos de tristeza são comuns, pois é uma forma de reação adequada perante um fato negativo que tenha acontecido na vida da pessoa. E isso é situacional e passageiro. Com relação à depressão, a intensidade é maior e persistente, por isso há dificuldade de resolução das situações. Essa forma de pensar dificulta encontrar saída.


“LUZ NO FIM DO TÚNEL”, “CAMINHOS”, “OPÇÕES”


E lembre-se, você pode voltar sua atenção para outras belezas da vida. Não esteja distraído da vida, de tudo que te cerca, da paisagem a sua volta, das maravilhosas pessoas que existem no mundo. Fique atento à sua vida; à você. Invista seu tempo, sua energia, seu pensamento em você daqui para frente. Saiba que essa escolha é retorno garantido. Você é o seu maior aliado. A vida é cheia de aprendizados, e para tudo podemos tirar uma ótima lição de crescimento, amadurecimento e sobrevivência. Você não deve estar distraído da sua vida, escolha por ser feliz e construa sua felicidade em cada ato e comportamento que vier a ter.


DICAS PARA MELHORAR:


Existem algumas coisas das quais você pode fazer para melhorar e ajudar no tratamento da depressão, lembrando que a somatória de ações contribui para a possibilidade de um melhor resultado:


1) Sozinho você pode se conscientizar e aceitar essa condição, e desta forma dar inicio à possíveis mudanças de comportamento e atitude.
É importante conhecer mais sobre o assunto, procurando fontes confiáveis de livros, artigos, e filmes, por exemplo; e também aprender a superar o que passou e viver o presente, além de dar atenção aos pensamentos e aprender a questioná-los, pois muitas vezes eles podem estar distorcidos ou serem irreais, mas que no momento, são pensados como verdadeiros.


2) Através da terapia você será orientado a repensar seus valores e sua forma de viver a vida para melhor vivê-la, aprenderá formas saudáveis de superação de problemas, fortalecimento da auto-estima, entre outras coisas.


3) A prática de exercícios físicos contribui para desviar a atenção dos problemas emocionais e proporciona bem estar. Eles devem ser feitos com acompanhamento de um profissional qualificado que poderá ajudá-lo na escolha de qual atividade será melhor para você e para seu corpo, o rendimento físico e funcionamento do cérebro tendem e melhorar.


4) Alimentação saudável: Alguns alimentos em excesso podem fazer mal, principalmente quando a pessoa está com depressão.
Por exemplo, alimentos que contenham:
- açúcares;
- alto teor de gordura;
- cafeína.
Em excesso esses alimentos podem excitar áreas do cérebro e desregular seu funcionamento, sendo sempre bom consumir comidas naturais e em quantidades adequadas.

Através do tratamento com enfoque na terapia breve, utilizando técnicas de Hipnose Ericksoniana, Coaching de vida, Programação Neurolinguistica e a atualização da Programação Neurolinguistica (novo código), você poderá ficar livre de confusões mentais, distorções de pensamentos e problemas e poderá vencer e superar os desafios da vida.

Adriana de Araújo, psicóloga clínica, com 10 anos experiência profissional, mais de 700 horas de treinamento teórico em hipnose, especialista em Programação Neurolinguistica, EMDR, Coaching de Vida, Hipnose Ericksoniana e Novo Código da PNL (atualização da Programação Neurolinguistica), sendo a única psicóloga clínica com essa formação em São Paulo e região.
Treinada pessoalmente por John Grinder (criador da PNL e do Novo Código), por Jeffrey Zeig (ex-aluno e
presidente da Milton Erickson Foundation, Phoenix, AZ, USA), entre outros profissionais qualificados e renomados (nacional e internacional).
Especialista em tratamento de fobias e outras questões emocionais.
Desenvolve junto às empresas um trabalho de Counselor and Executive Coach.
Faz perfil psicológico diferenciado para candidatos a vagas de emprego, com dinâmicas e relatórios.
A Adriana é autora de três livros pela editora Universo dos Livros:
-O SEGREDO PARA EMAGRECER, 2007
-TREINAMENTO PRATICO DE MEMORIZACAO, 2008
-O SEGREDO PARA VENCER A DEPRESSÃO, 2009 (Recentemente publicado em Julho/2009.)
E também de cinco cds de hipnose pela Editora Qualidade de Vida:
- Combate a Depressão
- Parar de Fumar
- Seja um Vencedor - Sucesso Profissional
- Emagrecimento
- Força interior – superação de medos.